top of page

ConstruSete completa 14 anos hoje

As primeiras reuniões para formação do Grupo aconteceram no final de 2009, mas foi em 5 de fevereiro de 2010 o registro da primeira ata, formalizando sua fundação


Bettio, Celso, Rafael, Márcio, Valdir e Adriano compõem a diretoria atual

Com sede em Assis/SP, o Grupo ConstruSete (C7) é formado por 20 lojistas associados, que somam 35 lojas de material para construção, instaladas em 28 cidades. Perfeitamente conectados com os princípios e objetivos iniciais, todos se orgulham da associação da qual fazem parte, não só pelos resultados que apresenta, mas também pelo reconhecimento que tem no mercado – o ConstruSete constitui-se numa das principais redes do ramo no Estado de São Paulo.


“Há 14 anos, plantamos uma semente chamada ConstruSete, que de lá para cá foi regada com muito trabalho, dedicação e, principalmente, muita amizade. Parabéns ConstruSete, pelos seus 14 anos de história. Só tenho que agradecer ao nosso gestor, Marcos Biondi, aos nossos colaboradores pelo empenho e garra no dia-a-dia; aos associados, por acreditarem nesse projeto; e aos nossos parceiros comerciais. Temos que agradecer a Deus pelo nosso sucesso. Gratidão sempre”, comemora e reconhece o atual presidente do C7, Márcio Mainente Martins (Desfran – Presidente Venceslau/SP), um dos sócios fundadores.

Um grupo formado por pessoas boas e bem intencionadas

A frase é do idealizador do ConstruSete, Celso Roberto Gomes (Casa do Construtor – Bastos/SP). Ele relata que o Grupo nasceu de uma dificuldade – “estava fragilizado, precisava de ajuda e tive a ideia de formar uma associação”.

A primeira conversa que teve foi com o amigo Nilton Geraldo Bettio (Alvorada – Adamantina/SP), que abraçou na hora a proposta. Daí por diante, as coisas foram acontecendo e para saber como, basta acessar o link: https://www.construsete.com.br/conhe%C3%A7aconstrusete

 

“O que aconteceu é que formamos algo, outras pessoas foram chegando, cada uma com o seu talento e capacidade, transformando o C7 em algo muito maior do que imaginamos. Tudo foi construído de uma forma verdadeira e real, porque todos são pessoas boas e bem intencionadas, que têm a oportunidade de mostrar a que vieram. É assim que vejo o ConstruSete após esses 14 anos - uma ideia que se transformou em algo muito maior e melhor do que idealizamos no início”, pondera Celso.

142 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page